quarta-feira, maio 16, 2012


Viajar é preciso

17 comentários:

  1. Adorei e claro q tb me emocionei! E q venham outras viagens! Beijos Rê! Ariadne

    ResponderExcluir
  2. adoro seus relatos. bj. Márcia Pinheiro

    ResponderExcluir
  3. Será que hoje consigo comentar aqui mesmo, neste teu espaço? Por via das duvidas, vou copiar e colar antes de colocar "publicar" e sumir tudo...rs..
    Amei teu post, como tenho gostado dos demais. Viajar é o máximo , né? Linda a história das viagens de teus pais. Sabe que amo fazer isso? Pegar o carro, estrada em direção a Minas e parar na cidade que der na telha? Fiz isso em 2010 e conheci lugarejos incríveis como Cristina e Maria da Fé!
    Minha mãe me incutiu tb o prazer das viagens. Ela gosta tanto de viajar que teimava que na música Azul da Cor do Mar, Tim Maia cantava "pelo menos viajar, razão para viver" e não: "Mas quem sofre sempre tem que procurar
    Pelo menos VIR A ACHAR
    Razão para viver"
    Tenho tb o mesmo entusiasmo, seja por Liverpool seja por Monte Sião! E algumas pessoas estranham que eu AMO viajar de ônibus - os rodoviários são cada vez mais confortáveis!
    Linda seu reencontro com sua irmã!
    Ah, e sobre as "kettles" - que eu nao sabia que se chamavam assim - tem em quase toda Europa e EUA, sim! Até por isso, logo após uma das minhas primeiras viagens ao Exterior, comprei pelo site Submarino, uma ótima chaleira elétrica, da Eletrolux, mas paguei uns 250 paus, muito caro. Hj se encontra por 150,00 creio.
    Ah, mais uma coisa: amei o museu de cera! Esse é o melhor deles! Nao fui nos outros, mas é o que dizem..rs...é o original, né?
    Por hoje, é só.
    Continue curtindo e aproveitando tudo, lindinha!
    Beijos,
    Ka
    (dito e feito: o que me salvou foi ter copiado..é que qdo comento como conta do google dá problema porque tenho outra conta aqui do serviço...complicado, né? Na tua volta, explico...rs...:)

    ResponderExcluir
  4. Será que hoje consigo comentar aqui mesmo, neste teu espaço? Por via das duvidas, vou copiar e colar antes de colocar "publicar" e sumir tudo...rs..
    Amei teu post, como tenho gostado dos demais. Viajar é o máximo , né? Linda a história das viagens de teus pais. Sabe que amo fazer isso? Pegar o carro, estrada em direção a Minas e parar na cidade que der na telha? Fiz isso em 2010 e conheci lugarejos incríveis como Cristina e Maria da Fé!
    Minha mãe me incutiu tb o prazer das viagens. Ela gosta tanto de viajar que teimava que na música Azul da Cor do Mar, Tim Maia cantava "pelo menos viajar, razão para viver" e não: "Mas quem sofre sempre tem que procurar
    Pelo menos VIR A ACHAR
    Razão para viver"
    Tenho tb o mesmo entusiasmo, seja por Liverpool seja por Monte Sião! E algumas pessoas estranham que eu AMO viajar de ônibus - os rodoviários são cada vez mais confortáveis!
    Linda seu reencontro com sua irmã!
    Ah, e sobre as "kettles" - que eu nao sabia que se chamavam assim - tem em quase toda Europa e EUA, sim! Até por isso, logo após uma das minhas primeiras viagens ao Exterior, comprei pelo site Submarino, uma ótima chaleira elétrica, da Eletrolux, mas paguei uns 250 paus, muito caro. Hj se encontra por 150,00 creio.
    Ah, mais uma coisa: amei o museu de cera! Esse é o melhor deles! Nao fui nos outros, mas é o que dizem..rs...é o original, né?
    Por hoje, é só.
    Continue curtindo e aproveitando tudo, lindinha!
    Beijos,
    Ka
    (dito e feito: o que me salvou foi ter copiado..é que qdo comento como conta do google dá problema porque tenho outra conta aqui do serviço...complicado, né? Na tua volta, explico...rs...:)

    ResponderExcluir
  5. Mana, nessa voce me entregou, ate meu apelido de familia...quem nao sabia agora ficou sabendo!!!hahaha.Sem duvida foram dias maravilhosos,viajar e a melhor coisa da vida mesmo.Da terra dos Beatles quando fui em 1995 so me lembro de ter tido uma reuniao de trabalho do ceu cinzento e vento gelado....e de um pub e claro!

    ResponderExcluir
  6. Sempre que o Mr Darcy entra em ação eu não posso deixar de lembrar de você. Me presenteei com a série, devidamente legendada, e ao revê-la logo pensei que quando você voltasse para o Brasil ia te chamar para uma maratona. Vai ser maravilhoso, porque cada vez que vejo a série mais apaixonada eu fico. Mr Darcy , I love You kkk, que o Beto não leia isso.Então estamos combinadas. Maratona Mr Darcy em setembro. bjsssss

    ResponderExcluir
  7. Adorei prima !! to rindo muito!! saudades de voce !! beijocas, Syda

    ResponderExcluir
  8. Re, me emocionei com seu texto! Que tenha asas sempre para voar e alcançar todos os seus destinos! And wait for me... I'm planning to arrive in August! Beijos

    ResponderExcluir
  9. conceição andrade17 de maio de 2012 11:31

    AMEI!!!!!!!!!!!! também adoro viajar!!!!!

    ResponderExcluir
  10. Que bela história...parabéns pela sua viagem, pelo post, amei...e que venham novas histórias e tenha certeza que Seu Nilão, estava juntinho de vcs nesta linda aventura.

    Bj e até breve!!!

    ResponderExcluir
  11. Gente querida, obrigada por atender meu apelo e mandarem recadinhos tão legais. Jane conheceu o Nilão né? Kátia, amei seu relato. Marcella e Ari, to esperando vcs, tão afim de virar personagem da coluna mesmo né? Teteia e Sydinha, amo vocês!

    ResponderExcluir
  12. Rejain, quando eu crescer quero escrever como você! Beijos, saudades...

    ResponderExcluir
  13. Rê, que saudade, saudade de nossos papos cabeças sobre profissão, futuro...!!! Nossa fiquei emocionada com seu texto....beijo grande

    ResponderExcluir
  14. Rejane adoro sua coluna, viajar é mesmo muito bom!
    Poxa, quando fui no Madame Tussauds não vi o Colin Firfh lá :// adoro ele!
    Divirta-se aí! Beijoos

    ResponderExcluir
  15. De longe um dose seus melhors posts.

    Eu me identifiquei muito com ele, já que desde bebê meus pais enfiavam eu e meu irmão num Escort e pegavam a estrada. Eu já fui de carro até Salvador: outra vez até BH, passando por quase todas as cidades históricas, depois até Torres no RS (e depois ficamos por lá para participar de um Jamboree, a long time ago...). Até o Rio, parando em Angra, Paraty e Ilhabela eu perdi a conta de quantas vezes foram. Nós apelidamos de "o roteio para gringo", porque todo primo que vem ao Brasil e mora no exterior (eu tenho vários em Portugal e no Candá) quer ir "num lugar de praia + um lugar histórico + umas cachoeiras + um lugar para comprar artesanato (redes, eles adoram!) + o Cristo Redentor e o Pão-de-Açúcar". Ah sim, e muitas caipirinhas.

    Não tenho do que me queixar. Lembro bem de quando fui a Porto Seguro (de carro, lógico) pela primeira vez, com 10 anos. Foi fantástico ver todos aqueles lugares onde se passou o começo da história do Brasil, entender in loco o que me contavam, e depois me gabar na escola, kkk.

    Viajamos muito com o escoteiro também. Algumas roubadas, é verdade, como num acampamento que era o maior campo minado de escorpiões que já vi, mas tantos outros lugares lindos, com estórias incríveis e na companhia de amigos de uma vida toda.

    Depois da faculdade, vieram as viagens "pra casa de alguém". Estudante e recém-formado vive sem grana, mas não sem criatividade. Perdi a conta dos rodeios que fui. Tb tive uma viagem glamour nessa época, mammy se aposentou e torrou a rescisão levando a família toda para a Europa. Loucura total. Nunca mais me distanciei do Velho Mundo depois disso.

    Concluo copiando aqui uma frase que li outro dia e achei perfeita: "Travel is the only thing you buy that makes you richer". Beijos Rejane, e parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
  16. Talita, querida, obrigada pelo lindo relato. Fomos juntas para o Rio Grande do Sul, lembra? Em um outro Jamboree e de ônibus. Quando eu voltar, quero marcar uma viagem com você! E você, minha querida Pollyana, estava comigo nesse outro jamboree aqui citado, nesse avião... Gisele, também morro de saudades das nossas conversas, que geralmente acabavam com eu puxando sua orelha pois eu sempre acreditei no seu potencial mais que você. Ju, o Colin é uma das novas aquisições do museu, assim como os meninos do Crepúsculo. Vem pra cá de novo pra conferir. Beijos a todas!

    ResponderExcluir

Give us some sugar! Compartilhe suas doçuras conosco. Favor preencher com seu nome e e-mail, para podermos entrar em contato com vc!
Dona Ana Costa agradece e volte sempre!